Skip to content

Wellington solicita testagem para identificar anticorpos em todos imunizados com CoronaVac no MA

O deputado estadual Wellington do Curso protocolou indicação solicitando ao Governo do Estado e a Prefeitura de São Luís solicitando, em caráter de urgência, que seja realizado a testagem em massa para detectar a produção de antígenos para COVID-19 em todos as pessoas que foram imunizadas com CoronaVac no Maranhão.

Ao justificar a solicitação, o parlamentar destacou a necessidade de testagem dos imunizados com CoronaVac para detecção de anticorpos, tendo em vista o aumento do número de casos de pessoas doentes já vacinadas e um estudo preliminar realizado por pesquisadores brasileiros que aponta a baixa eficácia da vacina, principalmente em idosos.

“Diante do risco iminente de uma terceira onda de contaminação e o aumento da letalidade do vírus devido a novas cepas, protocolei indicação solicitando ao Governo do Estado e a Prefeitura de São Luís, que seja realizada testagem em massa para detecção de anticorpos em todas aqueles que foram imunizadas com CoronaVac no Maranhão. A solicitação tem como fundamento a necessidade de garantir segurança para essas pessoas, tendo em vista o grande número de doentes mesmo já vacinados e a baixa eficácia do imunizante, principalmente em idosos, fato apontado por pesquisadores brasileiros em estudo preliminar. Queremos ter a certeza que essas pessoas estejam protegidas e, para isso, devem ser realizados testes de antígenos em todos que tomaram essa vacina. O momento atual é de redobrar os cuidados e aumentar o número de imunizadas e, por esse motivo, é necessário que os vacinados com CoronaVac tenham certeza que estão produzindo anticorpos”, disse Wellington.

Leia outras notícias em FolhadoMaranhao.com. Siga a Folha do Maranhão no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nossos canais, do Telegram e do Youtube. Envie informações e denúncias através do nosso e-mail e WhatsApp (98) 98136-0599.

Comentários

Publicidade

Um comentário

  1. Jeane Jeane

    Adorei essa atitude. Eu como da SAÚDE sempre perguntei sobre essa possibilidade. Porque quem vacinou esta se infectando com tanta facilidade e com sintomas mais intensificados. Gostaria de um cunho cientifico nessa situação. Já que desde que começou essa pandemia os profissionais esqueceram e até negaram o termo científico e ficaram no empírico achismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.