Skip to content

SET diz que Braide não cumpre acordo e não descarta nova paralisação de ônibus em São Luís

O Sindicatos das Empresas de Transporte de Passageiros de São Luís (SET) afirmou que o prefeito Eduardo Braide (Podemos) ainda não cumpriu totalmente o acordo firmado no dia 1º, o que está impossibilitando que algumas empresas também cumpram os compromissos firmados, gerando movimentos extremados de trabalhadores descontentes com toda essa situação.

Ainda de acordo com o SET, mesmo após o fim da greve, que durou 12 dias, trabalhadores de algumas empresas ameaçam deflagrar uma nova paralisação.

“O cumprimento do que foi acordado pelo SET necessita, impreterivelmente, que a Prefeitura de São Luís também cumpra, integralmente, a sua parte no acordo”, diz a nota.

NOTA

Falta de cumprimento total de acordo pela Prefeitura de São Luís gera ameaça de nova greve de ônibus

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de São Luís (SET) informa que, desde o dia 1º de novembro, após acordo firmado com a Prefeitura de São Luís e o Sindicato dos Rodoviários do Maranhão, que deu fim à greve dos trabalhadores do transporte público da capital, diariamente tem dialogado com as partes envolvidas e buscado solução para sanar os ruídos de comunicação e dissipar qualquer tipo de atrito ou descontentamento por parte de empregados e empregadores.

Contudo, informa que a Prefeitura de São Luís ainda não cumpriu totalmente o acordo firmado no dia 1º, o que está impossibilitando que algumas empresas também cumpram os compromissos firmados, gerando movimentos extremados de trabalhadores descontentes com toda essa situação. E, mesmo após o fim da greve, que durou 12 dias, trabalhadores de algumas empresas ameaçam deflagrar nova paralisação, o que vinha sendo evitado nos diálogos que o SET mantém com a categoria.

Diante desse cenário, o SET reitera a necessidade de retomar o diálogo e buscar, juntos, a resolução dos conflitos, com vista a não trazer ainda mais prejuízos para a população, que direta ou indiretamente é impactada pela falta de transporte público na capital maranhense. O cumprimento do que foi acordado pelo SET necessita, impreterivelmente, que a Prefeitura de São Luís também cumpra, integralmente, a sua parte no acordo.

Leia outras notícias em FolhadoMaranhao.com. Siga a Folha do Maranhão no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nossos canais, do Telegram e do Youtube. Envie informações e denúncias através do nosso e-mail e WhatsApp (98) 98136-0599.

Comentários

Publicidade

Você poderá fazer comentários logado em seu facebook logo após a matéria.