Skip to content

Veja como os deputados maranhenses votaram na MP de privatização da Eletrobras

A Câmara Federal concluiu nesta segunda-feira (21), a votação da Medida Provisória 1031/2021 que abre caminho para privatização da Eletrobras, estatal vinculada ao Ministério de Minas e Energia que responde por 30% da energia gerada no País.

Segundo o sistema Infoleg, desenvolvido pela Câmara Federal, a votação teve quórum 400 parlamentares, onde 258 votos foram a favor e 136 contra. Foram registrados ainda, 153 obstruções e apenas 5 abstenções.

Pelo Maranhão, apenas os deputados Bira do Pindaré (PSB) e Josivaldo JP (Podemos) votaram contra a medida de privatização. Pelo menos quatro parlamentares não participaram da votação, são eles: André Fucuca (PP), Cleber Verde (Republicanos), Josimar de Maranhãozinho (PL) e o deputado Júnior Lourenço (PL). Os deputados Hildo Rocha e João Marcelo, ambos do MDB, optaram pela obstrução da votação, já o deputado Zé Carlos (PT) se absteve da votação.

Ainda de acordo com o infoleg, nove deputados maranhense foram a favor da privatização da Eletrobras, são eles: Aluísio Mendes (PSC), Dr. Gonçalo (Republicanos), Edilzio Junior (PSD), Gastão Vieira (PROS), Gil Cutrim (Republicanos), Juscelino Filho (DEM), Marreca Filho (Patriota), Pastor Gil (PL) e o deputado Pedro Lucas Fernandes (PSL).

Após ser aprovada, a medida será encaminhada para a sanção do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Leia outras notícias em FolhadoMaranhao.com. Siga a Folha do Maranhão no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nossos canais, do Telegram e do Youtube. Envie informações e denúncias através do nosso e-mail e WhatsApp (98) 98136-0599.

Comentários

Publicidade

Você poderá fazer comentários logado em seu facebook logo após a matéria.