Skip to content

Prefeitos do Maranhão enfrentam dificuldades na contratação de empréstimos

Dois prefeitos do Maranhão vêm encontrando dificuldade na contratação de empréstimo junto a instituições financeiras. Segundo o levantamento da Folha do Maranhão, o prefeito de Turilândia, Paulo Curió (PTB) e o prefeito de São José de Ribamar, Dr. Julinho (PL) já fizeram diversas movimentações tentando viabilizar a liberação dos recursos, mas até o momento não obtiveram êxito.

Em Turilândia, a gestão de Paulo Curió tenta há 8 meses um empréstimo de R$ 15 milhões junto à Caixa Econômica Federal (CEF). A proposta foi anexada no sistema Tesouro Nacional no dia 19 de janeiro, e desde então teve exatos 26 movimentações.

O dinheiro do empréstimo será para a realização de obras de infraestrutura e saneamento. Além disso, o valor será destinado à pavimentação asfáltica de ruas e avenidas, construção e manutenção e melhorias de estradas vicinais, pavimentação, construção do portal de entrada e saída da cidade e a construção da Câmara Municipal.

Já a gestão de Dr. Julinho em São José de Ribamar, vai completar 4 meses tentando realizar um empréstimo de R$ 40 milhões junto ao Banco do Brasil. A proposta que já teve 36 movimentações, foi anexado junto ao Tesou Nacional no dia 27 de abril, mas até o momento foi concretizada.

O dinheiro do empréstimo será usado para financiamento da segunda parte do Programa Cidade em Obras, onde realizar obras de infraestrutura urbana e rural, aluguel de equipamentos e criação de aparelhos e espaços públicos.

A última movimentação da proposta de São José de Ribamar foi realizada ontem (11) às 14h. Já proposta da prefeitura de Turilândia não tem movimentação desde o dia 27 de junho.

Leia outras notícias em FolhadoMaranhao.com. Siga a Folha do Maranhão no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nossos canais, do Telegram e do Youtube. Envie informações e denúncias através do nosso e-mail e WhatsApp (98) 98136-0599.

Comentários

Doações

Você poderá fazer comentários logado em seu facebook logo após a matéria.