Skip to content

Nelma Sarney, do TJ-MA, anula eleição da CCJ da Assembleia Legislativa

O Tribunal de Justiça do Maranhão determinou nesta quinta-feira (24), a anulação da eleição da presidência da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa.

A medida foi concedida através de uma liminar da desembargadora Nelma Sarney, onde favoreceu um mandado de segurança elaborado por os 23 deputados da Casa Legislativa que fazem parte do governo.

Além de anular a formação da CCJ, onde foi escolhido o deputado Márcio Honaiser (PDT) para presidir a comissão, a desembargadora determinou uma nova eleição, que deverá ocorrer após o carnaval.

Na semana passada, os deputado já tinham protocolado vários requerimentos com pedido de anulação da eleição da comissão, porém o deputado Othelino Neto, presidente da Assembleia, ainda não tinha apreciado. Diante disso, deputados começaram a obstruir a ordem dia, deixando de marcar presença durante as votações.

Leia outras notícias em FolhadoMaranhao.com. Siga a Folha do Maranhão no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nossos canais, do Telegram e do Youtube. Envie informações e denúncias através do nosso e-mail e WhatsApp (98) 98136-0599.

Comentários

Doações

Você poderá fazer comentários logado em seu facebook logo após a matéria.