Skip to content

Braide autoriza aumento da tarifa de ônibus em São Luís a pedido dos empresários

O prefeito de São Luís, Eduardo Braide não cumpriu com a palavra quando disse que não iria aumentar a tarifa de ônibus na capital. Em entrevista à TV Mirante e outros meios de comunicação, Eduardo Braide afirmou por diversas vezes que não iria autorizar o aumento da passagem em São Luís, porém um novo aumento foi anunciado nesta sexta-feira (25).

Com o reajuste, a tarifa das linhas de ônibus não integradas, que custava R$ 3,20, passará a custar R$ 3,40. Já o preço das linhas e integradas sobe de R$ 3,70 para R$ 3,90. Os novos valores passam a valer a partir da 0h deste domingo.

Agora, além do subsídio das prefeituras de R$ 4 milhões por mês, a gestão de Eduardo Braide aumenta a tarifa das passagens de ônibus na capital, o que representa uma arrecadação de aproximadamente R$ 200 mil por dia a mais para os empresários.

Após o anúncio do reajuste, o deputado Duarte Júnior (PSB) utilizou suas redes sociais para afirmar que entrará com uma ação judicial contra o aumento.

“Ingressarei com Ação Judicial contra o aumento da passagem! São Luís precisa de um prefeito sem rabo preso! Braide mentiu ao afirmar que não daria aumento e fez pior. Entregou R$ 20 milhões para as empresas de ônibus e aumentou a tarifa por um transporte de PÉSSIMA QUALIDADE!”, afirmou o deputado.

Apesar o contrato de licitação prevê o reajuste desde o ano passado, o anúncio só agora, surge como o despreparo do prefeito diante da crise no transporte público. Afinal, ele teria deixado a crise se estender, prejudicando os rodoviários, os empresários e a população, quando a solução era o reajuste.

Depois do reajuste, a população faz o questionamento, terá melhorias para usuários que dependem do transporte público na capital?

Com a palavra, Eduardo Braide…

Veja o vídeo da contradição

Leia outras notícias em FolhadoMaranhao.com. Siga a Folha do Maranhão no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nossos canais, do Telegram e do Youtube. Envie informações e denúncias através do nosso e-mail e WhatsApp (98) 98136-0599.

Comentários

Doações

Você poderá fazer comentários logado em seu facebook logo após a matéria.