Skip to content

SES deixa de enviar informações à CPI sobre compra de respiradores frustradas pelo Maranhão através do Consórcio Nordeste

Protocolado no dia 06 de maio e enviado no último dia 10, o ofício com o pedido de informações à Secretaria do Estado da Saúde (SES) sobre a compra frustradas de respiradores pelo Maranhão através do Consórcio Nordeste ainda não foi respondido.

Conforme a Folha do Maranhão divulgou, o pedido foi feito pelo senador Eduardo Girão (PODE-CE) e pelo prazo legal adotado pela Comissão de Parlamente de Inquérito (CPI) que investiga o governo federal, Estados e Municípios. A secretaria de saúde do Maranhão teria o prazo de 10 dias úteis. O prazo venceu na última segunda-feira (24).

O mesmo pedido foi feito aos 9 secretários de saúde da Região Nordeste. Até o momento, o sistema do Senado Federal ainda não apresenta nenhuma das respostas dos gestores.

Além do pedido de informações, o senador Eduardo Girão elaborou o um requerimento solicitando o comparecimento dos 9 secretários na CPI do Covid-19. O requerimento até o momento não foi apreciado.

Leia outras notícias em FolhadoMaranhao.com. Siga a Folha do Maranhão no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nossos canais, do Telegram e do Youtube. Envie informações e denúncias através do nosso e-mail e WhatsApp (98) 98136-0599.

Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *