Skip to content

Senador exibe vídeo de Flávio Dino afirmando que o Maranhão usou cloroquina no tratamento da Covid-19

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) usou o seu tempo na CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid no Senado, para exibir vídeos de alguns governadores que admitiram o uso da cloroquina no tratamento da Covid-19 durante a pandemia ainda no ano passado.

Segundo Marcos Rogério, o presidente Jair Bolsonaro é criticado por defender o uso do remédio, mas os governadores também tinham apoiado o uso da cloroquina. Com um tablet na mão, o senador exibiu vídeos dos governadores Helder Barbalho, Wellington Dias, Renan Filho e o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB). De acordo com o Marcos Rogério, os governadores não falam contra o uso de cloroquina e hidroxicloroquina – remédios sem comprovação de eficácia.

Alguns senadores que fazem oposição ao governador Bolsonaro reclamaram da exibição do vídeo. Foi o caso da senadora Eliziane Gama (Cidadania), que rebateu prontamente o senador Marco Rogério saindo em defesa do governador do Maranhão que é seu aliado.

Eliziane interrompeu a exibição do vídeo e afirmou que o governador Flávio Dino defendia o uso da cloroquina, porém, era contra a automedicação.

No vídeo, Flávio Dino afirmou que o protocolo do uso da cloroquina já era adota muitas semanas atrás, quase no início da pandemia. Desde que a sua aplicação seja por orientação medica.

Nas suas redes sociais, o governador Flávio Dino parabenizou a senadora Eliziane Gama pela sua atuação na CPI. Segundo o governador, ela está defendendo a verdade. Esta é maior que agressões e manipulação. Flávio Dino afirmou que o Maranhão tem a menor taxa de mortalidade por coronavírus do Brasil, porque não seguimos fake news e loucuras.

Veja o vídeo

Leia outras notícias em FolhadoMaranhao.com. Siga a Folha do Maranhão no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nossos canais, do Telegram e do Youtube. Envie informações e denúncias através do nosso e-mail e WhatsApp (98) 98136-0599.

Comentários

Publicidade

Um comentário

  1. Rodrigo Rodrigo

    Já comentei antes e vou falar novamente, tem que investigar a abertura do hospital de campanha no Espaço Renascença. Por que foi escolhido aquele local?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.