Skip to content

Mulher já falecida teria recebido vacina contra a Covid-19 em Barra do Corda no Maranhão; MP investiga o caso

O Ministério Público do Maranhão através da 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Barra do Corda, abriu uma investigação para apurar possível irregularidade na aplicação de vacinas no município.

Segundo o promotor de justiça, Guaracy Martins Figueiredo, a partir de cruzamento de informações do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI) com o Sistema de Informações sobre Mortalidade – SIM, realizado pela Controladoria Geral da União (CGU), detectou-se suposta vacinação de pessoa já falecida de nome Nediana De Sousa Rodrigues no município Barra do Corda, o que pode indicar possível desvio de vacinas.

De acordo com a Portaria MS/GM nº 69/2021 que institui a obrigatoriedade de registro de aplicação de vacinas contra a Covid-19 nos sistemas de informação do Ministério da Saúde. O registro da vacinação contra COVID-19 do cidadão no sistema de informação, deverão constar as seguintes informações mínimas: I – dados do vacinado (número do Cadastro de Pessoa Física – CPF ou Cartão Nacional de Saúde – CNS, nome completo do vacinado, sexo, data de nascimento e nome da mãe do vacinado); II – grupo prioritário para vacinação; III – código da vacina; IV – nome da vacina; V – tipo de dose aplicada; VI – data da vacinação; VII – número do lote da vacina; VIII – nome do fabricante; IX – CPF do vacinador; e X – CNES do serviço de vacinação.

A investigação foi instaurada no último dia 12 de maio e até o momento a prefeitura do município de Barra do Corda ainda não se manifestou sobre o assunto. O número de vacinados no municípios também não são divulgados.

Leia outras notícias em FolhadoMaranhao.com. Siga a Folha do Maranhão no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nossos canais, do Telegram e do Youtube. Envie informações e denúncias através do nosso e-mail e WhatsApp (98) 98136-0599.

Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *