Skip to content

No Maranhão, Flávio Dino ignora à pandemia ao participar de inauguração de praça em meio a um decreto de medidas restritivas

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) parece ter ignorado o atual momento da pandemia no Estado no qual ele governa, ao participar de uma inauguração de uma praça no município de Paço do Lumiar, vizinho à capital do Maranhão, São Luís, onde fica a sede do governo.

Juntamente com a prefeitura do município, Paula da Pindoba, que também é do seu partido; PCdoB, Flávio Dino se deslocou cerca de 45 quilômetros para participar do evento no qual inauguraria uma praça no município. O evento, poderia ser mais uma agenda de rotina de qualquer gestor público, porém não foi bem assim; entenda.

Flávio Dino editou um decreto no último dia 03, elaborando uma série de medidas restritivas à população da Grade Ilha: São Luís, Paço do Lumiar (município onde aconteceu a inauguração da praça), São José de Ribamar e Raposa, para conter o avanço do Covid-19.

Segundo o próprio governador, o decreto disciplinando o funcionamento do comércio e impondo medidas restritivas à população, se fez necessário devido aos números que esses quatros municípios vem apresentando nas últimas semanas.

Ao participar do evento de inauguração da praça, o governador Flávio Dino entra em contradição mais uma vez, pois a participação dele no evento vai contra o decreto editado por ele próprio, ou seja, ele estaria infringindo as regras impostas por ele.

O que diz o decreto?

Em seu artigo 2, fica bem claro: fica suspensa, em todo o Estado do Maranhão, a autorização para realização de reuniões e eventos em geral, a exemplo de festas, shows, jantares festivos, confraternizações, eventos científicos e afins, inaugurações, sessões de cinema, apresentações teatrais, bem como lançamentos de produtos e serviços.

decreto-1 No Maranhão, Flávio Dino ignora à pandemia ao participar de inauguração de praça em meio a um decreto de medidas restritivas

Está não é a primeira vez que Flávio Dino demostra desrespeitos as medidas contra o Covid-19. Durante as eleições municipais, o então candidato Duarte Júnior, seu aliado e que por muito tempo foi do seu partido, o PCdoB, fazia uma grande aglomeração na Praça Deodoro. Flávio Dino apesar não está presente no evento, postou o vídeo da aglomeração e convidou a população a participar do evento.

Segundo o boletim epidemiológico divulgado diariamente pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), no dia 25 de novembro do ano passado, dia que ele convidou seus seguidores a participarem da aglomeração política, foram registrados 8 óbitos por Covid-19. Na segunda-feira, dia 09, dia no qual ele participou da inauguração da praça, foram registrados 34 óbitos por Covid-19 no Maranhão. Isso demostra a falta consideração por parte do governo com essas vítimas.

Na Assembleia Legislativa, o deputado Wellington do Curso fez duras criticas ao governador Flávio Dino.

Flávio Dino proíbe trabalhadores de saírem de casa, mas ONTEM promoveu aglomeração em meio a pandemia para inaugurar uma praça! Hipocrisia e incoerência de Flávio Dino. O governador não respeita o decreto de sua própria autoria? É essencial promover aglomeração para inaugurar uma praça?, questionou o deputado.

Veja algumas fotos da aglomeração, teve até tempo para bater uma bolinha

Veja o vídeo postado pelo governo do Maranhão

Leia outras notícias em FolhadoMaranhao.com. Siga a Folha do Maranhão no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nossos canais, do Telegram e do Youtube. Envie informações e denúncias através do nosso e-mail e WhatsApp (98) 98136-0599.

Comentários

Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.