Skip to content

Funcionária da SEMUS surge como possível elo de empresários presos em operação da PF

De acordo com investigações do Ministério Público Federal e da Policia Federal, a farmacêutica Silvia Giselle Soares Pinto surge como principal elo da Secretária de Municipal de Saúde e a empresa Precision Soluções Diagnósticos.

Conforme documentos, a farmacêutica é nomeada na SEMUS e mãe de um dos filhos do empresário Sormane Silva Santana, um dos presos ontem na Operação Cobiça da Policia Federal.

De acordo com informações do processo, Silvia Giselle mora a poucos metros da sede da empresa e supostamente já trabalhou na instituição “Bem Viver” e na empresa “Cobra Centro Oncológico”, ambas envolvidas na persecução penal denominada “Operação Sermão aos Peixes” e aparentemente o pai do seu filho é o empresário Sormane Silva, ex-sócio e dito atual procurador da empresa Precision Soluções.

No dia 14 de maio deste ano, a equipe a Polícia Federal observou um fluxo incomum de veículos estacionados na frente da residência de Silvia Gisele, segundo apurado pela equipe, o investigado Sormane Silva Santana saiu de dentro da residência de Silvia Giselle a caminhando da sede da Precision Soluções em Diagnósticos. Sormane permaneceu na sede da Precision por alguns minutos e retornou para residência de Silvia Giselle.

No dia 18 de maio de 2020, após as denúncias públicas em sites de notícias locais, a equipe registrou uma nova movimentação na sede da Precision Soluções em Diagnósticos. Por volta das 8:30h, foi registrado o momento em que um veículo estava estacionado na garagem da empresa aparentemente sendo carregado com materiais que estavam dentro da sede da Precision Soluções em Diagnósticos.

Devido a esse elo bem próximo, o sigilo bancário da funcionária da SEMUS também foi quebrado e sua nome foi atrelado a investigação.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *