Skip to content

SUBNOTIFICADOS: Estudo aponta que o Maranhão pode ter mais de 17 mil casos de covid-19

De acordo com o estudo da Nois (Nucleo de Operações e Inteligência em Saúde), que envolve Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Fiocruz, Universidade de São Paulo e outras instituições. O percentual de casos subnotificados do covid-19 no Brasil, podem chegar a 313 mil casos.

O estudo, baseou-se na quantidade de 1.124 óbitos no dia 11/04/2020, onde obtiveram o valor ajustado estimado de população infectada, de 10 dias antes, do dia 01/04/2020 de 104.368 pessoas, comparado aos 6.836 casos notificados tínhamos um percentual de 93,45% de subnotificação. Ao projetar o número de óbitos para o dia 21/04/2020, obtemos o valor projetado estimado de população infectada do dia 11/04/2020 de 312.288, comparado à quantidade de notificados para o dia 11/04/2020 de 20.727, temos 93,36% de subnotificação.

Observando a situação de cada estados, pode-se ver a estimativa de subnotificação de pessoas infectadas.

O tema dos casos subnotificados de covid-19, foi um dos principais assuntos, durante a entrevista coletiva de ontem do Ministro da saúde, Henrique Mandetta. Segundo ele, é extremamente preocupante os casos subnotificados, alertou que nas próximas semanas o Brasil poder ter um aumento de casos em todo país.

Veja o estudo clicando aqui

Um comentário

  1. Roselia soares Vítor Roselia soares Vítor

    Sou técnica em enfermagem recém formada pela faculdade Florence de São Luís Maranhão más não pude receber meu certificado de conclusão como técnica em enfermagem porquê estou desempregada .tenho certificado de curso de cuidadora e socorrista da SAMU e certificado de imunizacao experiência profissional como cuidadora de crianças a idosos e gostaria de uma oportunidade para trabalhar em algum setor da saude tennho experiência profissional como auxiliar de escritório ,recepcionista e atendente de farmácia. Meu esposo também está desempregado ele é desayne gráfico e industrial tem experiência também em vários setores administrativos. Quê Deus abençoe todas às nações grandiosamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *